El Pastoreiro

Moda – Fashion – Saúde – Beleza

MEGALIZZ → Funciona? – 【NÃO COMPRE ANTES DE LER ISTO】

O que é a Megalizz? Para Que Serve a Megalizz? Megalizz Funciona Mesmo? Onde Comprar a Megalizz? Quais os Benefícios da Megalizz? Bem, essas são algumas perguntas que as pessoas costumam fazer antes de comprar a Megalizz.

Todo mundo sabe que cabelos grandes e lisos são o sonho de muitas pessoas, em todo o mundo.

Porém, apesar de ser algo bastante notório esteticamente, uma parcela das pessoas não possuem uma condição financeira para ir regularmente a um salão de beleza.

Além disso, sabemos que a maioria dos produtos de salão de beleza utilizado para alisar os cabelos possuem química e a longo prazo prejudica a saúde dos cabelos. Pensando nisso, foi criado um produto denominado de Megalizz.

http://www.beatsoftomorrow.com.br/wp-content/uploads/2019/01/megalizz-funciona.png

Esse produto é chamado de “revolucionário” porque facilita a vida de quem deseja ter os cabelos lisos, mas não quer perder tempo indo ao salão de beleza regularmente!

Por isso, se você está querendo cabelos lisos e brilhosos, a Megalizz pode ser tudo que você estava esperando!!!

Vale ressaltar que boa parte dos produtos que deixam os cabelos lisos possuem em sua fórmula um composto denominado de formol. O formol é o responsável por dar o alisamento que o produto promete. Porém, essa substância é PROIBIDA, pois provoca danos a saúde, levando a sérios prejuízos.

Os funcionários da Megalizz, leva a sério o bem-estar de seus clientes, por conta disso, nosso produto é 100% LIVRE de formol.

Por isso, você pode utiliza-lo sem qualquer tipo de preocupação!

Composição do Megalizz:

Na fórmula do produto, você achará uma combinação de mais de 20 compostos que, juntos, farão com que seus cabelos fiquem com um liso tão impressionante que você ficará surpresa!

Os compostos do produto são:

Pantenol, Óleo de Argan, Óleo Mineral, Aqua, Álcool Cetearílico, Dimeticona PEG-12, Metossulfato de Behentrimonium, Dimetilamina Estearamidopropil, Glicerina, Cloreto de Cetrimônio, Palmitato Isopropílico, Ácido Cítrico, Pantenol, Parfum, BHT, Cloreto de Hidroxipropiltrimônio Guar, EDTA Dissódico, Ceteareth-20, Cyclopentasiloxane, Polyquaternium-55, Dimeticonol, Hydroxyethyl Cetearamidopropyldimonium, Behenyl Álcool, Chloride, Cetearyl Álcool, Mica, Argania Spinosa Kernel Oil, Methylchloroisothiazolinone, Methylisothiazolinone, Hexyl Cinnamal e Benzyl Salicylate.

http://www.beatsoftomorrow.com.br/wp-content/uploads/2019/01/mega-lizz-funciona-mesmo.png

Todos esses compostos, darão aos seus cabelos o LISO que você deseja! Pare de gastar dinheiro com produtos que fazem com que seus cabelos precisem de manutenção de 3 em 3 meses!

Com a Megalizz, você terá a facilidade de ter seu cabelo liso onde e quando quiser!

Como citamos acima, o produto é 100% sem formol; ele traz um alisamento instantâneo e, ainda, um tratamento intenso enquanto alisa, com a Progressiva de Chuveiro, você:

  • Não precisará mais se preocupar em ir aos salões de beleza;
  • Utilizará um produto dermatologicamente testado;
  • Contará com o selamento da fibra capilar com muita eficiência;
  • Terá cabelos brilhantes e sedosos por muito mais tempo;
  • Irá fazer a manutenção do liso em sua residência;
  • Terá um alto poder de hidratação a cada lavagem;
  • Fará seu alisamento de forma bem simples, apenas lavando os cabelos;
  • Não tem preocupação, pois ele pode ser utilizado em qualquer tipo de cabelo!

Megalizz foi criado pensando em você, que deseja ter cabelos lisos sempre, mas não está disposta a empregar tanto tempo para isso e nem frequentar salão de beleza.

Com a Megalizz você:

✔︎ Ficará com seus cabelos lisos após o banho;
✔︎ Terá cabelos lindos e brilhosos;
✔︎ Não precisará perder mais tempo em salão;
✔︎ Liso por muito mais tempo!
✔︎ Faz sozinha, sem complicações!

Como Usar a Megalizz?

Para utilizar o produto é muito fácil. Basta lavar bem os cabelos para que eles não apresentem resíduos.

Depois, aplique o produto em todo o comprimento e aguarde por 15 minutos.

http://www.beatsoftomorrow.com.br/wp-content/uploads/2019/01/megalizz-formol.jpg

Em seguida, é importante enxaguar bem para que todos os excessos que não foram absorvidos pelos fios sejam eliminados e não interfiram no resultado final.

Para finalizar, recomendamos o uso do secador de cabelo pois o calor vai ativar o princípio ativo da fórmula e proporcionar resultados ainda mais incríveis.

Onde Fazer a Compra do Produto?

Nos aproximamos do fim de mais um artigo e eu espero que esse artigo tenha ajudado a tirar suas dúvidas sobre esse produto chamado Megalizz.

Meu veredito é de que ele funciona mesmo, por isso, vale a pena compra-lo.

http://www.beatsoftomorrow.com.br/wp-content/uploads/2019/01/site-oficial-megalizz.jpg

Para fazer a compra do produto, recomendo que acessem o site oficial ou o atalho que deixei para vocês aqui no post e com um desconto especial.

Só que eu não sei se esse desconto vai durar muito tempo, então, corra!

 

Receita de Feijão vermelho com arroz geminado

Hoje, no nosso prato do dia, apresentamos-lhe algumas feijão vermelho com arroz, agrião, cebola, tomate e germinados, uma receita com um grande poder nutritivo e saciante que aumenta nossas defesas, reforçando as defesas naturais contra as infecções.


Todos os benefícios deste prato


Feijão vermelho


Destacam-se por ser uma excelente fonte de antioxidantes e de ferro, mineral especialmente indicado para prevenir a anemia. Também é muito rico o seu aporte de fibra , que ajuda a saciar o apetite, combater a prisão de ventre e prevenir o câncer de cólon, e em zinco, que fortalece nosso sistema imunológico e cuida da pele.


Além disso, esta vegetal nos dá energia, reduz a glicose no sangue, ajuda-nos a manter o tônus muscular e a manter a tensão arterial.


Arroz


Este cereal destaca-se por ser uma grande fonte de energia, graças aos hidratos de carbono que contém e a sua amido, ideal para situações de desgaste fisco e mental. Fornece minerais como o cálcio e o ferro, e vitaminas como a niacina, tiamina, riboflavina e vitamina D.


Baixo teor de gordura e colesterol, o arroz é um alimento cardiosaludable e baixo em sódio, o que ajuda a cuidar da linha e a controlar a tensão arterial. Além disso, é um cereal que não contém glúten, por isso que as pessoas celíacas podem incluí-lo em sua dieta.


Agrião


Os berros são um poderoso antioxidante, e sua contribuição em beta caroteno nos ajuda a manter uma pele saudável e macia, e a exibição em ótimas condições. São diuréticos, depurativos, melhoram o funcionamento do fígado, a eliminação de líquidos e são benéficos para pessoas com anemia ou problemas reumatológicos.


Além disso, combatem a prisão de ventre, reduzem a inflamação e prevenir a formação de pedras na vesícula e rins.


Cebola


Este completo vegetal, indispensável em qualquer dieta equilibrada, contém vitaminas e minerais como enxofre, fósforo, ferro, cálcio, sódio e magnésio, que são necessários para a saúde do nosso organismo. É antioxidante, anti-inflamatória, purificação, diurética e digestiva.


Tomate


O tomate é um dos vegetais mais ricos em caroteno. E, destes, 80% é o licopeno, um pigmento antioxidante que protege de vários tipos de câncer e doenças cardiovasculares.


A quantidade de licopeno pode ser maior ou menor de acordo com a classe de tomate. Os campeões são os de pêra, que podem chegar a ter até 10 vezes mais dessa substância protetora. Uma pesquisa do Rowett Research Institute (Reino Unido) descobriu que a gelatina que rodeia as sementes do tomate tem um componente que, aparentemente, ajuda a prevenir a formação de trombos nas artérias e a reduzir o risco de infarto.


Germinados


As sementes de cereais ou de produtos hortícolas, ao germinar, libertam todos os nutrientes encapsulados e melhorar o valor nutricional do próprio alimento. É melhor consumi-los crus , pois o cozimento destrói parte de suas propriedades nutricionais.


As vitaminas e os minerais, as sementes multiplicam-se ao germinar e as gorduras são convertidos em ácidos graxos, além disso, os germinados trazem ao corpo todos os aminoácidos essenciais, e contêm clorofila, o que leva oxigênio para as células, desintoxica e regenera o organismo.


Complete o seu menu de hoje com…



  • Um segundo prato de salmão no papillote com legumes e endro, uma boa fonte de proteínas com ácidos graxos Ômega-3.

  • E de sobremesa, um delicioso batido de manga.

Tags relacionadas

Alguns medicamentos podem causar fadiga crônica

Faz tempo que você se sente exausta e por mais que descanse não recupera o seu bem-estar? Multidão de medicamentos podem provocar cansaço crônico, como efeito secundário.


Não só acontece, como seria de esperar, com os que induzem o sono, ou são projetados para “tranquilizarnos”. Muitos outros podem tirar-lhe os a sua energia sem que sospeches de fazer isso.


As estatinas podem influenciar


De acordo com a prestigiada Clínica Mayo (EUA). UU.), uma das queixas mais comuns entre aqueles que tomam estatinas contra o colesterol é o cansaço.


De fato, verificou-se que 15% das pessoas que as tomam dizem sentir-se bem. E é que favorecem uma inflamação da fibra muscular que provoca fraqueza.


Relacionado com este artigo


COLESTEROL


Além disso, estes mesmos cientistas viram que, neste caso, o esgotamento pode demorar em aparecer. Assim, é possível perceber o sintoma quando já há algum tempo que estão a tomar as estatinas.


E se é por antiácidos?


Muitas vezes as pessoas recorrem ao omeprazol para tratar as digestões pesadas. No entanto, este medicamento reduz a produção de ácido do estômago, necessário para absorver o cálcio.


O abuso deste medicamento leva a uma redução gradual do cálcio no organismo e um dos sinais dessa ausência é precisamente o aparecimento de cansaço, fraqueza e falta de energia.


Talvez é por causa do anti-hipertensivo


Muitas pessoas dizem sentir-se esgotadas após começar a tomar beta-bloqueadores contra a hipertensão arterial.


Relacionado com este artigo


INFO-MEDICAMENTOS


E há uma razão lógica que explica esta realidade: este tipo de anti-hipertensivo anula o efeito da adrenalina com a intenção de desacelerar o ritmo cardíaco. Este hormônio é estimulante e ao estar “bloqueada” deixa de agir.


Os diuréticos, que também são utilizados para regular a tensão, podem também causar um desequilíbrio em minerais do organismo que acabe gerando fadiga.



  • Se acontecer de você. Isso não significa que você deve deixar a medicação por sua conta e risco. Simplesmente, informe ao seu médico sobre o aparecimento deste sintoma. Às vezes, é possível reduzir um pouco a dose para evitar este efeito irritante.

Assim afetam os anti-histamínicos


Bloqueiam a histamina (um neurotransmissor responsável pelos sintomas que causa a alergia) deprimiendo o sistema nervoso central. Como consequência, exercem um grande efeito sedativo.


Relacionado com este artigo


MAIS NATURAL


Hoje em dia são comercializados anti-histamínicos de segunda geração, os conhecidos como “não-sedativo”, que apesar de seu nome e de que não afetam de forma tão aguda do sistema nervoso central, possuem um certo efeito relaxante e, em alguns casos, podem fazer com que você se sinta mais cansada do que o habitual.



  • Se acontecer de você. No caso de sofrer de alergia, por exemplo, ao pólen, e se os prescrevem, deverão ser tomadas antes de dormir para que a sonolência não repercuta em sua vida diária.

Os medicamentos para A DEPRESSÃO “roubam” energia


Algumas pessoas, ao serem tratadas com medicamentos para melhorar o estado de ânimo, sentem-se igualmente cansadas. Pode ser um efeito secundário.



  • Os antidepressivos. Os medicamentos que está a tomar para melhorar o estado de humor interferem diretamente na produção de serotonina, um hormônio intimamente relacionada com o sentimento de felicidade, mas que, por sua vez, intervém nos processos do sono. Por isso, podem causar um certo desânimo.


  • Os ansiolíticos. O cansaço e a sonolência são (entre outros), dois dos efeitos secundários mais comuns de ansiedade. Ocorre, porque eles agem promovendo que o cérebro libere um químico (GABA), que dá a “ordem” para o corpo relaxar. Entre todos eles, o lorazepam é o que mais tem efeito sedativo.

Todos, em excesso, se “desgastam”


O abuso de drogas pode ser uma carga para o fígado, que se encarrega de filtrar os resíduos que estes vertem ao organismo para que esteja “limpo”.


O fígado também realiza funções metabólicas. Por isso, o processo de obtenção de energia depende diretamente de sua saúde.


Quando está “ocupado” durante muito tempo, filtrando os restos de medicamentos, não pode realizar tão eficientemente sua função metabólica e é normal que está presente mal-estar geral e cansaço.


É mais fácil do que isso aconteça se tomam vários em simultâneo, durante muito tempo e em doses maiores. Se detectar este sintoma, informe ao seu médico sobre a situação.


Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén